quinta-feira, dezembro 22, 2011

FUI ASSALTADA NO BRADESCO

As empresas são responsáveis pela segurança de seus clientes, enquanto estiverem em suas dependências.

Qualquer dano que vier a ocorrer nessas áreas, é de responsabilidade, sim, do estabelecimento.

Vejam que o BRADESCO está se escusando de sua responsabilidade no caso abaixo :




Bom dia, Dr Martinelli!

procurando o teto de valores para tribunal de pequenas causas para informar a um cliente (sou corretora de seguros) por acaso li resposta sua relativa a furto dentro de shopping.
Eu tive experiência semelhante: minha carteira (com todos os documentos, cartões, identificações funcionais e dinheiro) foi furtada dentro do Bradesco ag. Av. Paulista, há aproximadamente 3 meses, quando saí de um caixa rápido (interno) de retirada de dinheiro para outro de impressão de folha avulsa de cheque.
Acionei imediamentamente o segurança, me dirigi ao balcão de atendimento e blablabla, não tive orientação ou ajuda de nenhuma espécie.
Fiz BO, retornei ao banco para saber se ao menos os documentos haviam reaparecido, e nada. Afinal, há câmeras de segurança por todo lado, penso que poderiam ao menos ter tentado me ajudar a descobrir o que houve.
A minha pergunta: vale a mesma regra do shopping? O Bradesco é responsável por algum ressarcimento?
Parabéns pelo seu blog, absolutamente de utilidade pública!
Eu tenho o hábito de reclamar pelos meus direitos e passo muitas vezes por chata, mas penso que quanto mais as pessoas reclamarem, com bom senso e civilidade, melhores serviços serão prestados, e todos ganharemos...
Grata
Liliana Cinquini



Prezada Liliana,

O BRADESCO responde sim por danos sofridos em dependências sob sua responsabilidade.

No seu caso, você pode solicitar a indenização por danos materiais, ou seja ressarcimento de todas as despesas que vc teve em decorrência do furto : dinheiro levado, custo da nova documentação, despesas de transporte, taxi, negócios perdidos, enfim todo e qualquer prejuízo financeiro, material, que você teve.

Além disso a ocorrência lhe causou grande aflição e desgaste emocional, cabendo , portanto, indenização por danos morais.

Você deve juntar toda e qualquer evidência que você tenha, começando pelo extrato onde apareça a movimentação que vc fez naquele momento (retirada de dinheiro, extrato, de talão de cheques, ou qualquer movimento que comprove sua passagem pelo caixa naquela hora) e buscar o Juizado Especial mais próximo de você.

Mesmo que você não tenha nenhum comprovante, por força do Código de Defesa do Consumidor, o ônus da prova cabe ao Bradesco.

Cabe ao Banco provar, pela exibição das fitas de gravação, que você não foi furtada.

Se eles alegarem que não tem mais a fita, valerá a sua versão.

Quando todos fizerem valer seus direitos, como você, o brasileiro passará a ter sua cidadania respeitada.

O único ponto fraco é por conta do nosso Judiciário que aplica indenizações muito timidas contra esses gigantes financeiros.

Mas não importa, por pouco que seja, vale a pena por ser questão de Justiça e respeito ao consumidor.

A sua experiência será muito interessante para o blog, se vc não se importar vou produzir um artigo com ela.

Boa sorte, restando alguma duvida volte !


Mario Martinelli
Advogado

2 comentários:

  1. Olá, me desculpe minha intromissão más passei por algo semelhante no dia de hoje e gostaria de saber se poderias me esclarecer umas duvidas antes que eu vá até a agencia cobrar meus direitos! Fui assaltado dentro de um pronto atendimento em uma agencia bancária, sob ameaças de morte entre outras alegações fui obrigado a sacar R$ 1000,00 dentre os quais com um pouco de papo consegui convencer o ladrão que não me levasse tudo, o qual aceitou alegando o mesmo que isso não seria um assalto e que o mesmo me devolveria o dinheiro, o que é ridículo por que fui forçado a dá-lo e não foi por minha própria vontade, sendo que todas as alegações dele eram sempre seguidas de ameaças de morte entre outras. Agora vem a dúvida é de responsabilidade do banco me ressarcir?

    Grato desde já Adriano Valt

    ResponderExcluir

Se inscreva como membro deste blog e acompanhe assuntos de interesse geral, na área jurídica.

Sobre

Um espaço para abordar temas de interesse na área legal. Quem preferir pode entrar em contato reservadamente pelo formulário ou por email.

Visualizações de página