sexta-feira, agosto 31, 2012

BEM INDIVISIVEL. UM DOS COPROPRIETÁRIOS NÃO QUER VENDER...COMO FAÇO ? por Dr. Mario Arcangelo Martinelli

Um dos temas mais frequentes em casos de partilha de bens havidos por herança ou em decorrência de divorcio ou de sociedade é a questão do bem indivisível, seja um imóvel, seja um carro ou qualquer bem impossível de divisão sem torna-lo improprio à sua finalidade.



É comum que um ou alguns dos coproprietários, nesse caso considerados condôminos, não concorde com a venda, por diversas razões, e outros necessitem dispor da sua parte no bem, por questões financeiras ou por outras razões.

Não havendo acordo de todos para a venda, a Lei garante a alienação via judicial, como no caso abaixo :

Extinção de condomínio - Imóvel indivisível - Direito de extinguir o condomínio garantido a qualquer condômino - Possibilidade - Usufruto garantido.

Sendo o imóvel indivisível e pertencente a mais de um proprietário, a pretensão de extinguir essa copropriedade é direito que pode ser exercido em qualquer tempo, por qualquer dos condôminos. Tratando-se de coisa indivisível ou que se torne, pela divisão, imprópria ao seu destino, e obstada a partilha amigável, aplicar-se-á a solução preconizada pelos arts. 1.322 e 504 do Código Civil c.c. art. 1.117, inciso II, do CPC. Recurso provido.


É claro que nessa situação , todos perdem.

Sim, porque virão as custas do processo, dos honorários dos advogados, das avaliações e perícias e até do eventual leilão.

E sempre com a possibilidade de o leilão não ser bem sucedido e o preço final será bem menor, com prejuízo para todos os condôminos.


Aqui, mais do que nunca, vale a máxima : "antes um péssimo acôrdo, do que uma ótima demanda"

MARIO ARCANGELO MARTINELLI

2 comentários:

  1. Boa noite

    ot.vall@hotmail.com
    por favor, é um caso real - estamos desesapersdos, se puder responda neste email.


    Sou fotografo.
    Durante o casamento nós compramos um apartamento, um terreno e 2 carros.
    Vamos nos divorciar.
    O valor do apartamento supera o valor do terreno e os dois carros.
    O valor do terreno e 2 carros não o cobrem o valor do apartamento.
    Não há forma de compensação para dividir os bens sem que um de nós saiamos prejudicados.
    não temos dinheiro para pagar a diferença.
    PERGUNTA
    Podemos pedir para vender os bens no ato do divórcio para o juiz?

    ResponderExcluir
  2. Contrate um advogado. Ele saberá a melhor forma de compor a divisão e partilha dos bens.

    Alessandre
    Advogado em SP.

    ResponderExcluir

Se inscreva como membro deste blog e acompanhe assuntos de interesse geral, na área jurídica.

Sobre

Um espaço para abordar temas de interesse na área legal. Quem preferir pode entrar em contato reservadamente pelo formulário ou por email.

Visualizações de página